segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Traga meu café!


Garçom por favor, me traga um café!
Traga um café quente com amor, e que me queime por dentro.
Pode deixar na minha casa, traga até a minha cama.
Agora saia, e pegue a gorjeta na mesinha da sala.

Garçom, não se esqueça de trazer as torradas!
Mas que estejam acompanhadas com muito afeto e um pouco de geléia.
Traga rápido, para que não esfrie o meu café, para que meu amor não fuja.
Garçom, encoste a porta após sair, e deixe o meu adoçante alí do lado,
Caso o meu amor fique amargo, eu adoçarei.

Deixe que a conta eu pague depois, eu não sei o sabor desse café.
Se ele estiver frio, como o amor que está do meu lado, não pagarei a conta.
Garçom, meu caro amigo! Não esqueça da minha vodka, acompanhada de uma paixão.
Caso o amor não reaja, tomarei a minha paixão para que ela passe logo,logo.

Garçom, pegue a gorjeta na mesinha da sala, e não se esqueça de encostar a porta.
Me deixe aqui com minhas torradas, meu café, minhas paixões e desilusões.
Garçom, Obrigado por trazer esse amor, essa torrada com geléia está ótima.
Garçom me traga um café, e um amor! Bem quentes!

#inspiração! Amy Winehouse!

2 comentários:

  1. Adorei o texto, publiquei no meu facebook, mais coloquei os créditos.


    caso queira ver esta ai: https://www.facebook.com/profile.php?id=100001684961931

    Bjos

    ResponderExcluir